PROVE – Promover e Vender

Eu Provo… Tu Provas… Nós Aprovamos…

A crescente tendência para o distanciamento de quem produz bens alimentícios e quem os consome é uma das consequências da globalização dos mercados, originando um desequilibro acentuado na valorização, aproveitamento e rentabilização dos recursos. É com a intenção de combater esta orientação dos mercados e para ajudar os produtores agrícolas a fomentar a sua autonomia através de respostas inovadoras que surgiu o PROVE.

O PROVE – Promover e Vender é uma metodologia que visa a promoção de novas formas de comercialização de circuito curto, nomeadamente de produtos agrícolas, entre pequenos produtores e consumidores, de modo a dar um contributo importante para o escoamento dos produtos locais e a melhorar as relações de proximidade entre quem produz e quem consome.

Surgiu em 2005 com o apoio da iniciativa comunitária EQUAL, O PROVE resultou de um conjunto de várias entidades parceiras que se associaram a um grupo de pequenos produtores dos territórios da Península de Setúbal, Vale do Sousa, Alentejo Central, Mafra e Porto, para melhorar o escoamento das suas produções.

Cooperação Interterritorial LEADER

Actualmente, devido aos resultados atingidos pela metodologia novos territórios rurais vão beneficiar desta experiência, através de uma parceria entre vários Grupos de Acção Local, da qual a TAGUS faz parte, e co-financiada pela Cooperação Interterritorial do ProDeR.

Membros da Parceria

  • ADREPES – Associação para o Desenvolvimento Rural da Península de Setúbal (Entidade Coordenadora)
  • ADER-AL – Associação para o Desenvolvimento Rural do Norte Alentejo
  • ADER-SOUSA – Associação de Desenvolvimento Rural das Terras do Sousa
  • ADIRN – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte
  • ADRIMINHO – Associação de Desenvolvimento Rural Integrado do Vale do Minho
  • ADRITEM – Associação de Desenvolvimento Rural Integrado das Terras de Santa Maria
  • ALENTEJO XXI – Associação de Desenvolvimento Integrado do Meio Rural
  • Associação In Loco – Intervenção, Formação e Estudos para o Desenvolvimento Local
  • ATAHCA – Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave
  • Charneca Ribatejana – Associação para a Promoção Rural da Charneca Ribatejana
  • DESTEQUE – Associação para o Desenvolvimento da Terra Quente
  • DOLMEN – Cooperativa de Formação, Educação e Desenvolvimento do Baixo Tâmega, CRL
  • LEADER OESTE – Associação para o Desenvolvimento e Promoção Rural do Oeste
  • MONTE – Desenvolvimento Alentejo Central
  • PRÓ-RAIA – Associação de Desenvolvimento Integrado da Raio Centro Norte
  • TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior

Ferramentas

Durante a anterior fase do projecto, foi desenvolvido um conjunto de ferramentas que apoiarão o lançamento do projecto nos novos territórios:

  • Manual “Contributo para um Processo Territorial de Proximidade” é um documento que tem como principal objectivo divulgar a metodologia de intervenção do projecto PROVE;
  • Vídeos que apresentam a reflexão de produtores, consumidores e técnicos envolvidos no projecto, mencionando as principais dificuldades e constrangimentos, oportunidades e benefícios;
  • Banda Desenhada que pretende de forma divertida e didáctica estimular as boas práticas agrícolas e comerciais
  • Brochura que responde de forma clara e sucinta às seguintes questões: PROVE – O que é? Para quê? Para quem? E Porquê?
  • G-PROVE, sistema de encomendas que responde às necessidades logísticas de organização da comercialização
  • Site www.prove.com.pt, instrumento fundamental de informação sobre o projecto, os territórios e os actores envolvidos

Queremos que PROVE porque é preciso…

…aproximar produtores e consumidores.

… renovar as relações de compromisso, solidariedade e ética entre quem produz e quem consome.

… incentivar os pequenos produtores a utilizar técnicas amigas do ambiente.

… apostar em novas formas de comercialização, ajudando os pequenos produtores a escoar os seus produtos.

… melhorar a qualidade dos produtos.

… promover o desenvolvimento dos territórios rurais.

Para mais informação:
www.prove.com.pt

>Funcionamento e Núcleos PROVE do Ribatejo Interior| Site oficial PROVE |Manual PROVE