MoovIdeias

Médio Tejo – Vive o Empreendedorismo
MoovIdeias

O projecto Médio Tejo – Vive o Empreendedorismo consiste num conjunto de acções, que envolvem um concurso de ideias de negócio – o MoovIdeias – associado a um programa de aceleração de ideias e a um conjunto de sessões temáticas e workshops, focados no desenvolvimento do Ecossistema Empreendedor do Médio Tejo.

O programa das diferentes actividades utiliza uma combinação de metodologias e programas de empreendedorismo, recorrendo a metodologias de estímulo à criatividade, desenvolvendo as competências pessoais dos empreendedores consideradas como fundamentais em modelos de aceleração de referência a nível mundial.

Este projecto é desenvolvido através do Programa Operacional Regional do Centro (Centro 2020), no âmbito do SIAC – Sistema de Apoio a Acções Colectivas, co-financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), com as seguintes entidades promotoras:
CIMT – Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo;
TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior;
Pinhal Maior – Associação de Desenvolvimento do Pinhal Interior Sul;
ADIRN – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte.

O MoovIdeias é um concurso de Ideias associado a um Programa de Aceleração. O objectivo será seleccionar cerca de 25 projectos para integrarem um programa de 5 sessões, proporcionando um acompanhamento activo. No final do programa, os projectos que evoluíram, a partir de ideias, serão apresentados a um júri que escolherá aquele que, de acordo com os critérios estabelecidos no regulamento, tenha obtido maior pontuação. O vencedor ganhará um prémio de 40 horas de mentoria pessoal por parte de especialistas. Haverá igualmente prémios para o segundo e o terceiro classificado.

As metodologias que irão ser aplicadas combinam instrumentos utilizados em programas de aceleração de referência internacional com metodologias e ferramentas focadas na partilha de conhecimento de forma estruturada, levando os empreendedores a explorarem ideias e novos modelos de negócio, validando a viabilidade dos mesmos. Como resultado, teremos a criação de novas empresas e a promoção da inovação e empreendedorismo nas empresas existentes. Serão realizadas 4 edições do MoovIdeias, promovidos pela CIMT, pela TAGUS, PINHAL MAIOR e ADIRN.

Este programa de aceleração é uma experiência única de desenho e validação de modelos de negócio que valoriza o conhecimento e a sua orientação para o mercado, estimulando a criatividade e a colaboração em rede e minimizando o risco de apostas em projectos não sustentáveis. Os empreendedores irão testar os seus Produtos Mínimos Viáveis junto de potenciais clientes, obtendo o feedback necessário para melhorarem a sua Proposta de Valor, e aplicarem abordagens de criação rápida das suas empresas.

Todo o trabalho será dinamizado pela equipa de consultores da B´TEN.

A quem se destina?
Destina-se a empreendedores com projectos sustentáveis, desejavelmente, que se venham sediar na região e que, assim, contribuam para a dinâmica do Ecossistema Empreendedor do Médio Tejo.

Os candidatos poderão apresentar-se individualmente ou em equipas constituídas até quatro indivíduos, com idade superior a 18 anos e que pretendam criar uma empresa ou que tenham constituído uma empresa recentemente no Médio Tejo, que aqui a pretendam sediar ou que estando sediados em Portugal, contribuam com a sua atividade para o desenvolvimento da região.

Os grupos alvo de empreendedores destinatários deste programa de aceleração são:
Iniciativas de criação do próprio emprego;
Projectos de criação de start-ups ou spin-offs;
Projectos de criação de organizações sustentáveis e inovadoras;
Empresas criadas muito recentemente.

Qual é a duração do concurso?
Cada edição do concurso terá a duração de dois meses e encontra-se estruturado em 5 sessões de trabalho, de 5 horas cada, que irão abranger temas e actividades distintas, ajudando as equipas a desenvolverem a sua ideia de negócio, desde a valorização da ideia até à primeira venda.

Onde se realiza o MoovIdeias?
As 5 sessões da primeira edição serão realizadas em Tomar. As seguintes edições realizar-se-ão em Abrantes, Sertã e Tomar, respectivamente.

Como se estrutura?
Cada concurso inclui 5 sessões dedicadas aos seguintes temas:

1. Atitude Empreendedora
Inclui a apresentação do programa aos participantes, explicando detalhadamente as fases do processo empreendedor, assim como a escala de maturidade que será seguida na avaliação e preparação dos projectos, desde a ideia até à fase de constituição da empresa. Nesta fase será trabalhada a atitude empreendedora, com o objectivo de capacitar os empreendedores para a utilização de ferramentas de Ideation e Design Thinking, de forma a estimular a criatividade, a geração de ideias para produtos/serviços e a criação de protótipos, numa lógica de descoberta e validação de clientes.
Desde a primeira sessão que os participantes começarão a treinar as apresentações (pitch)para investidores e outros parceiros de negócios.

2. Modelo de negócio
Os empreendedores vão desenvolver o Modelo de Negócio e serão capazes de usar o Business Model Canvas como ferramenta estratégica, compreendendo porque é que falham os planos de negócio e como podem mitigar esse risco. A influência da envolvente competitiva nos modelos de negócio será trabalhada com recurso à metodologia do Business Model Environment da empresa. Estes temas farão, também, parte deste Workshop, que termina com o treino de técnicas de Elevator Pitch.

3. Validação do Modelo de Negócio – MPV
Nesta fase, o programa entra em detalhe no Modelo de Negócio e na Proposta de Valor, aprofundando os factores de diferenciação da concorrência, e efectuando a sua validação junto de potenciais clientes, seguindo as metodologias LeanStartup, no âmbito do Roadmap Empreendedor.

4. Relação com o cliente e a preparação para o investimento
Debruçar-se-á sobre o modelo de Costumer Journey, abordando também a questão do Marketing e do Branding e será feita uma primeira abordagem ao Plano de negócios – Preparação para o investimento.Nesta sessão serão abordados os instrumentos de Investimento e fontes de financiamento, fazendo o enquadramento de temas como parcerias de negócio, fontes de financiamento, retorno do investimento, tendo em conta a estrutura de custos e de proveitos.

5. Plano de Negócios e Pitch final
Serão concluídos os aspectos ligados à gestão financeira, trabalhando, mais detalhadamente, a estrutura de capitais e o mix de financiamento. Os empreendedores aprofundarão os seus conhecimentos sobre a elaboração de um orçamento e, fundamentalmente, irão elaborar um mapa de cash flows para o seu projecto. A apresentação final deverá ocorrer neste último dia perante um júri que elegerá o melhor projecto.

Como funciona o processo de selecção?
As candidaturas serão seleccionadas por um Júri com experiência e provas dadas, na área do empreendedorismo e será formado por pessoas com reconhecido mérito empresarial, associativo ou académico.
Após a submissão bem sucedida da candidatura, os candidatos receberão uma notificação de registo da mesma.
Todos os selecionados serão contatados por telefone.

> Apresentação | Brochura | Normas de Funcionamento | Ficha de Candidatura